quinta-feira, julho 19, 2007

Hype

E às 8 da manhã de ontem, foi o lançamento nova-iorquino do último grito fashion do mundo: a sacola de pano "I´m not a plastic bag".
Desenhada pela estilista inglesa Anya Hindmarch, a bolsa virou febre mundial e as filas em 15 lojas da Whole Foods na cidade dobraram quarteirões.
Pros EUA, apenas 20.000 foram liberadas a 15 dólares cada uma - e apenas 3 por cliente.

A jogada de marketing aproveita o desespero do mundinho por coisas limitadas e mudernas aliado à conscientização ecológica cada vez mais crescente.
Pra se ter uma idéia, em algumas cidades dos EUA, como SF e Boston, as bolsas não-biodegradáveis já estão sendo proibidas. Em Paris, isso acontecerá até o final do ano - e em toda a França até 2010. O mesmo anda acontecendo na Austrália, Canadá, Africa do Sul e até Uganda.

Por aqui, não vemos a menor conscientização nesse sentido. Algmas grifes, como Doc Dog, entraram na onda distribuindo sacolas de pano para seus clientes, mas em qualquer supermercado no Brasil usa-se sacos e mais sacos de plástico.

Segundo o NYTimes, depois da confusão que foi a venda das sacolas de pano na Ásia, muitos chineses lokas de Hong Kong prometeram voar até NY e tentar a sorte - se fudendo pra poluição dos aviões.
E pra quem tiver aqüé sobrando, no eBay as sacolas já estão bombando a U$ 300, onde, óbvio, versões não faltam. Adorei a "I´m not a fashion victim bag".

Claro que se realmente fosse pra economizar plástico, qualquer sacola de feira, pano ou papel resolveria o problema.
Mas qual a graça em não ser hype?


Tá?

5 comentários:

Aline disse...

Vale lembrar que as sacolas de pano da Doc Dog só são "dadas" para os clientes que gastarem mais de 150 reais, ou seja,na comprinha de um chaveiro

introspective disse...

pensando aqui em várias possibilidades divertidas para sacolas de pano nacionais...

e ahaza no cerrado, bee.

Alexandre Lucas disse...

Acho isso tudo apenas modismo barato. Se essas pessoas quisessem mesmo ser "verdes" e respeitar o planeta, usariam transporte público sempre que possível, pois o maior problema do planeta é o abuso dos combustíveis fósseis. De que adianta sacola de pano e depois queimar gasolina na Pajero?

Lady Metal disse...

Vontade de afogar o Al Gore e essa gente eco-torta na água de chuca.

Alexandre Lucas disse...

Muita água de chuca nelas!