quinta-feira, agosto 30, 2007

SPFW

Paulista tem um senso de moda incrível, né?

Não sei o que acontece na terra da garoa, mas as pessoas de lá são naturalmente mais intessadas nas últimas tendências do que o restante do país.
Não estou falando de bees ou do povinho fashionista, mas das pessoas comuns. Suspeito que tenha corte-e-costura na rede municipal...

Um dos gerentes da empresa é de lá. Hétero, casado, na faixa dos 35. Alto, narigudo e de cabelo comprido - sobrenome italiano, claro. Ou seja, tipico paulistano de família classe média, daqueles criados no Brooklyn. (Segundo ele, "não sou da Zona Sul de SP, como vocês dizem aqui, mas da Zona Oeste.")

Incrível como ele repara em tu-do, da unha do pé das mulheres feita no salão aos sapatos de zebra. E não é do jeito gay de ser, sabe? É um jeito naturalmente observador de quem está está acostumado a esses detalhes. Dizem por aqui, aliás, que a mulher dele é elegantéeerrima - e paulistana, lógico.

Não lembro como começou, mas hoje surgiu um papo sobre cor de cuecas. Ele disse que "não dá! Cueca tem que ser branca, meu Deus. No máximo preta".

Até que outro falou: "Ih, eu tenho cueca mostarda, vinho, azul-calcinha".
Carioca, claro. Parece largado no mundo. Não dá a mínima pro corte do terno, a cor do sapato ou da meia.

Teve um sujeito que na primeira semana do emprego novo veio com terno e gravata pretos e camisa social vermelha. Não, VERMELHA.
Parecia a Maria Padilha incorporada. Muito medo.

Claro que toda a regra tem suas exceções, como cariocas super bem vestidos de um jeito próprio e low profile. E seus exageros, como aquela paulistada empresária de cabelo de gel pra trás, abotoaduras douradas e Rolex. Mais over, impossível.
Mesmo assim, é gritante a superioridade paulistana nesse sentido. Sou até a favor de umas dicas básicas de elegância pro restante do país.
Se bem que a gente entende de onde o pessoalzinho da publicidade tirou o slogan do Stilo. Ou você tem ou...

10 comentários:

uomini disse...

Vocês têm as praias, os corpos (proporcionalmente muito mais bem *talhados*), o estilo natural, a brisa... Moda é que nos resta mon cherry... ;-)

Anónimo disse...

A tá, mas mesmo as bee ou não vão as pool de calças, mesmo no verão, e andando pelo calçadão ou na areia da para perceber, quem é do Rio ou de SP ou outra cidade, sei que a vida não é só praia e festas, mas mesmo assim to fora do estilo 'paulista de vestir'.A moda esta mais descomplicada ultimamente.

Alexandre Lucas disse...

Que cueca é branca a gente aprende no módulo de "Basic Skills"...

Libanesa Mafiosa disse...

Bee, é óbvio que um bode "Alto, narigudo e de cabelo comprido - sobrenome italiano, claro. Ou seja, tipico paulistano de família classe média, daqueles criados no Brooklyn." NÃO É DO BROOKLYN, mas da Zona Oeste: Alto de Pinheiros, Parque Villa Lobos, Alto da Lapa, Higienópolis.

Sul de Sampa já foi mais hype, tá boa?

De lá ainda só gostinho do Itaim, no mais não saio desse meu universo circuito Shopping Higienopolis - Villa Lobos.

Renata disse...

é só o que eu peço, meudeus! cueca mostarda não! vinho não! azul não!

preta ou branca! se for boxer, ainda ganha um bônus...

JAYME NETO disse...

nem sempre esse farto acesso a moda faz bem aos paulistanos...

na maioria das vezes a galera naum usa mtu bem a informaçao e acaba ficando over...e sempre rende boas risadas quando to com meus amigos!

Clebs disse...

Medo do terno e gravata pretos + camisa social vermelha? Ué, vc não é flamengaysta!??? hehehehehe.

Falando como "carioca", digo que somos total basic e se vc ver alguém fora o tal eixo, já se assusta. Se bem que, andando pela ZS, há de se encontrar AQUELAS exceções que vc menciona. Eu sempre encontro.

E cueca é boxer e branca. Ponto final!

cam.brz disse...

sampa ainda é o maximo.

Rafa di Luca disse...

concordo com o uomini!!!

afinal, o tempo que vcs passam na praia a gente tá enfiado no shopping...rs

kisses

ebortolotti disse...

acho phino o maxime perelmuter e os meninos da reserva...
mas no geral os cariocas são cafonas mesmo...