quinta-feira, maio 28, 2009

Praça da Paz

Por falar em resturante, quando eu namorava, conhecia todas as novidades gastronômicas do Rio. Afinal, programa de casal é comer, comer, comer. Não importa se você vai ao cinema, teatro ou motel: antes ou depois sempre tem um jantarzinho aqui ou ali.

Solteiro, os programas mudaram e os esquentas e os botecos tornaram-se constantes, praticamete obrigatórios. Até os jantares com os amigos passaram a sofrer adaptações de horários e acabaram virando pré pras noitadas. Diante disso - e de opções restritas - acabei indo cada vez mais e mais nos mesmos lugares (Felice e japa do 00 que o digam). Não que isso seja problema - muito pelo contrário - mas acabo limitando as vantagens (e desvantagens) de apreciar coisas novas.

Essa história toda é so pra dizer que finalmente conheci um lugar que vinha bombando desde o verão: o Líquido, em Ipanema, de frente pra Praça da Paz. O bairro merecia algo assim há tempos, visto que as casas de sanduíches existentes em quase todas as esquinas - e até mesmo as de sucos, uma verdadeira instituição carioca - não chegam aos pé das localizadas no Leblon ou na Barra. Gostei tanto, mas tanto, que vale o post e a dica, mesmo com certo atraso e correndo o risco de receber comentários me xoxando.

O cardápio é muito bom - a minha dosa recheada com peito de peru estava ótima e o saduíche de frango da minha companhia foi bastante elogiado -, o climinha é super agradável, os preço são bem honestos e a localização é excelente. Ficou faltando apenas experimentar os chás gelados da casa, mas os sucos de framboesa e açaí não deixaram espaço.

A volta é garantida. E tomara que muitas outras vezes.

3 comentários:

Introspective disse...

É um dos meus favoritos desde que conheci. Vamos marcar uma dose e uma dosa lá!

Alexandre Lucas disse...

Marcadores: Ipanema, comidinhas e monetização.

Saudades e espero vê-lo sábado ;)

Douglas Mendez- O Homem é um ilha disse...

o smoothie de goiaba e tâmara é pedido obrigatório.