terça-feira, junho 10, 2008

Nem famosa ela é

Sexta à noite, namorado e eu comendo uma saladinha na varanda do Cafeína do Leblon (o nosso preferido em todo o mun-do) e eis que me passa um paparazzi bastante apressado com sua mega câmera a postos. E depois outro. E outro.

Os três se posicionaram estourando os fashes em direção à porta da livraria do outro lado da rua. A celebridade fotografada atravessou calmamente e seguiu pela calçada onde estávamos.

O povo do café parou, se olhou e fez aquela cara de "quem é ela?!".
Juro... até agora eu não faço idéia!

Ser famoso, hoje em dia, é muito relativo.

6 comentários:

Renata disse...

eu não tenho seu e-mail!

sábado tem uma pequena festa junina aqui em casa. beijo!

Clebs disse...

Uai.. é mole! Só pedir um autógrafo que você ia descobrir quem era rapidinho!

hehehehehe.

Estefanio disse...

Assessoria de imprensa eh tudo na vida!
Ja pergunto logo quem eh vc na noite?

Klero disse...

deve ser uma celebridade instantânea, com qualidade de miojo... =D agora fiquei curioso! qual o nome da livraria? google nela!

Wel(namorado) disse...

...gente, c nem percebeu, né! ... eram pra gente, os fashes dos paparazzis. Só que foram discretos!! Já te falei pra gente ir menos naquele café!!uó!!

Too-Tsie disse...

Esse povo adora um burburinho em volta, eu é que não me desgasto.
Repito que não existe celebridade no Brasil..alguém com projeção mundial, talvez La Bundchen.

Como o clebs comentou de seu findi aqui na terra da garoa: aqui o povo vê qualquer figurante de novela da Band e já fica babando ovo, que vergonha.